Ronie Pires – Ideia Inovadora

Ideias vem e vão no ecossistema empreendedor, e muitos empresários e investidores ficam de olho para saber identificar aquelas ideias que são realmente inovadoras e tem um diferencial no mercado. Não basta apenas ser nova ou diferente, para emplacar a ideia tem que ter algo a mais, e estabelecer critérios para classificar uma ideia é muito mais complexo do que parece. Para Ronie Pires “… é quase uma pergunta de um milhão de dólares!” 

Mesmo não tendo uma resposta definitiva para a pergunta, existem alguns critérios que a gente pode usar para saber se uma ideia caminha para o lado bom ou para o lado ruim. Claro que os critérios são variados e dependem muito do estágio de construção e do perfil de atuação no mercado para a ideia. Ronie Pires elencou aqui alguns critérios que ele próprio utiliza.

Saúde Financeira, Tamanho do investimento e o nível de experiência do empreendedor no segmento específico: 

É preciso estudar muito bem uma ideia antes de ela ser aprovada. É preciso conhecer tudo (ou quase tudo) sobre o segmento que pretende atuar. Com isto é possível estabelecer se o segmento em questão tem boas perspectivas de ser promissor para um futuro próximo, bem como se o segmento conseguirá reproduzir facilmente aquela ideia. Quando a ideia é boa, mas todo mundo pode fazer, em pouco tempo aparecerá muita concorrência direta, o que pode tornar o mercado não lucrativo.

Outra questão é o capital necessário para competir no mercado. Quando a ideia pode ser facilmente reproduzida, isto abre a possibilidade que alguém com mais capital resolva investir neste segmento e por fim a sua empresa pode acabar ficando sem fôlego financeiro para concorrer.

Quanto envolvido está o empreendedor com a sua ideia

É muito importante, para apoiar um projeto, reconhecer que o empreendedor que teve a ideia, estudou ela o suficiente, está envolvido com o projeto e tem capacidade para trabalhar em cima daquela ideia. Tem que ser o principal projeto daquele empreendedor. Quando a ideia é o plano B, muitas vezes na hora que o projeto começa a exigir demais, os empreendedores menos engajados têm a tendência de não colocar o projeto da ideia em prioridade, e muitos projetos acabam nem tirando a ideia do papel.

No próximo dia 19/05 o PJE realizará mais um evento de mentoria coletiva, desta vez no espaço do Centro Europeu, empresa parceira do projeto desde o início das atividades, representada pelo mentor Ronaldo Cavalheri, com a participação de diversos outros empresários e mentorados que fazem parte do ecossistema empreendedor em Curitiba validando ideias inovadoras. Participe você também e descubra o quanto a sua ideia é inovadora.

www.projetojovemempresário.com

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*